Meu "Sentir" tem cor e cheiro. Bebo vinho... Meus versos vivem...Tenho ilusões que respiram... E minhas linhas são veias! Derramo sensações e devaneios. Me ajusto e me asseguro no exagero.Vivo de tudo que é Vermelho!

terça-feira, 12 de abril de 2011

O "respiro" de uma Ilusão..!


Ah! Meu Doce Vermelho...!
Invade e transborda meus poros agora
Inunda e lava...
Os caminhos da minha aurora
Outrora...
Faz-me rubro os olhos meus
Faz-me chamas... labaredas
Nos braços teus
Vem tingir meus sonhos
Da cor do vinho tinto que bebo
Vem logo... Vem cedo!
Já me perdi
E me esqueci
Nos lençóis vermelhos
Do meu sentir
Entrego a ti o que resta
Aqui... onde bem começa!
De-me o amor que queima a pele
Sem pressa!

3 comentários:

Solange disse...

seus versos me encantam..

bjs.Sol

Jão disse...

Entrego-te o melhor e o piro de mim
o bem e o mal
meu liquido vital
corpo, desejo
amor, corção
entrgo-te meu ser
meu bem querer.


Beijos querida Sil,
Saudades grandes!

Si Fernandes disse...

Doce e quente.Bela composição.
Beijos!