Meu "Sentir" tem cor e cheiro. Bebo vinho... Meus versos vivem...Tenho ilusões que respiram... E minhas linhas são veias! Derramo sensações e devaneios. Me ajusto e me asseguro no exagero.Vivo de tudo que é Vermelho!

sábado, 10 de dezembro de 2011

Emoções tardias...



E eu que acreditei
Que ainda não era o momento de chorar
Mas... antecipadamente
As lágrimas me vieram fáceis
E quando eu pude sentir que já chorava
Tive que admitir
Que o pranto estava atrasado
Velho e embaçado
Faltava acreditar
Que já havia acabado

3 comentários:

Antônio Lídio Gomes disse...

Chorar muita vezes lava a alma.
Mesmo que tardiamente não é Sil?
Um abraço e um beijo.
Obrigado pela visita.

AquilesMarchel disse...

admitir é doloroso

♥♥♥Ani♥♥♥ disse...

Bom dia Silene


Gostei muito do seu blog e já estou te seguindo...
Se quiser dá uma passadinha pra conhecer o meu também, quem sabe não gosta e segue também.

Beijos
Ani