Meu "Sentir" tem cor e cheiro. Bebo vinho... Meus versos vivem...Tenho ilusões que respiram... E minhas linhas são veias! Derramo sensações e devaneios. Me ajusto e me asseguro no exagero.Vivo de tudo que é Vermelho!

quinta-feira, 5 de maio de 2011

Sua ausência repousa...



Hoje...
Os sonhos irão dormir mais cedo...
No dia das suas primaveras
As flores não acordaram
E as rosas choram...
A lua surgiu vermelha...
E a noite respira feito uma "centelha"!
Hoje...
Os sonhos irão dormir mais cedo...
Aqueles mesmos sonhos vermelhos
Dormem...

6 comentários:

Kafé Universitário disse...

Oi Sil....

Menina estou surpresa com este blog...

Como pode uma unica pessoa ter tanta criatividade e inspiração para escrever versos tão lindos, completos e diferentes....

Adorei este lugar também (para variar)

Beijos e estou seguindo...

Sempre por aqui também...

Patrícia

Solange disse...

lindas palavras nesta noite fria...
parabéns!!

bjs.Sol

Amanda Carvalho disse...

Oi Sil, tudo bem??
Nossa tenho passado por isso, tenho sentido isso, é hora esperar, "colocar para dormir"...
Beijoos!

Jão disse...

Dormem para acordar mais tarde, mais forte, mais sonho.


Beijos querida, sonhos nunca morrem apenas adormecem para se fortalecer.

Daniel Costa disse...

Silene

Bom ouvir poesia declamada, assim como gostei do do poema, à vista.
Beijos

Daniel disse...

Realmente Sil, suas palavras soam em nossa alma. Meu Deus como você escreve profundamente na gente. Porque é isso que você faz, você me passa todo o seu sentimento e seu sonho de suas linhas. Você escreve por cima e por meio delas. Quanto sentimento e eu , como todo romântico mergulho na mais profunda verdade de suas veias. Gostei do seu novo design, realmentea gente. Gostei das palavras ditas pelo Thiago aqui no seu blog do ladinho também. Depois me passe o nome dessa música que está a tocar aqui. Realmente, você é única minha doce e idolatrada amiga. Também vivo do vermelho como você.

Pra sempre amigo,
pra sempre uma pena,
da sua escrita.

Dan